quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Petiscos Arrumadinho e minha versão o Assentadinho, Snack com Calabresa, Carnes e Farofa

Receitas de Petiscos Arrumadinho e Assentadinho



Conheci o Aperitivo Arrumadinho com minhas amigas soteropolitanas no Happy Hour em Salvador. 



Começávamos nossa jornada pelo Campo Grande e lá nos abastecíamos com essa delícia que garantia a energia para a nossa “via sacra” entre Pelourinho e fim de linha do Garcia.


O Arrumadinho para mim é o gosto saudoso de Salvador é um aperitivo muito gostoso que leva farinha, feijão fradinho, carne de sol, calabresa, frango, tudo organizado em camadas e encerrado por uma camada de salada de tomate, cebola e coentro bem picadinhos. Em cada garfada esses elementos se misturam de forma quente e refrescante, devido ao crocante e frescor da saladinha crua.


Eu como paulistana não apreciava muito o sabor do coentro fresco, mas numa de minhas primeiras ausências de Salvador e ao provar de novo esta gostosura confesso que meu coração ficou em festa e o sabor do coentro foi muito bem vindo! 


Trouxe essa receita para o seio da família e claro com a adaptação da salsa no lugar do coentro fresco, mas ainda assim essa receita continuou top. 


O segredo do Arrumadinho é deixar todos os elementos do prato já preparados isoladamente e depois montar o prato, assentando-os sobre a farofa com manteiga de garrafa.


As carnes são cortadas em cubos de pequenos pedaços, veja bem não pequenininhos pedaços, e podem ser peito de frango, carne seca, carne de sol, já a calabresa cortada em meias fatias para não perderem a suculência.


Em Salvador você pode pedir um Arrumadinho de Frango, ou de Carne, ou de Calabresa e tem também o Arrumadinho Misto. Foi essa versão que trouxe para dentro da família porque simplesmente a mistura de todas essas carnes é muito boa!


Mas eis que a experiência faz a referência e com esse conhecimento a priori me vejo em casa neste fim de semana não tão bem abastecida na despensa e quis fazer um snack diferente, veio a inspiração:  vou fazer  uma versão do Arrumadinho...assim que surgiu o Assentadinho!!!!


Receitas de Petiscos Arrumadinho e Assentadinho


Vou apresentar para você minha receita: O Aperitivo Assentadinho

Assim como o Arrumadinho que você pode fazer com calabresa, peito de frango, com carne seca, carne de sol e até mesmo com filé já que é mais difícil conseguir carne de sol por aqui, enfim, ele vai ter a cara da sua despensa e geladeira!!!


Mas o que não pode faltar é a farofa, pois ela é a base da nossa brincadeira!!!


O Assentadinho é um petisco baseado numa base de farofa e carne por cima. Na ocasião eu fiz duas versões o Assentadinho de Calabresa e o Assentadinho Misto Calabresa e Filé.



Receitas de Petiscos Arrumadinho e Assentadinho




Preparando os Petiscos – Assentadinho Misto de Calabresa com Filé

Ingredientes

250g de farinha de mandioca crua;
700g de fílé que pode ser contra-filé, alcatra, ou outra carne de sua preferência;
1 gomo de calabresa;
1 cebola média, ½ pimentão médio, dentes de alho médio;
Temperos a gosto páprica picante, orégano, pimenta e sal.


Modo de Fazer – O Filé

Corte o pedaço de filé de sua preferência em cubos médios.  Coloque-os na frigideira quente com um pouco de azeite. Deixe os pedaços de carne selarem um pouco e acrescentem primeiro os dentes de alho inteiros para fritarem juntos da carne. Um pouco depois acrescente tiras de pimentão cortadas rusticamente e deixe fritarem juntas para saborizarem a carne.
Depois tempere enquanto fritam use orégano, pimenta, páprica picante e sal.


Modo de Fazer – A Calabresa

Corte a calabresa em duas partes no sentido da longitude e depois corte em fatias.  Coloque-as na frigideira com um pouco de azeite. Frite os pedaços e acrescente primeiro os dentes de alho inteiros e um pouco depois acrescente as cebolas cortadas rusticamente e deixe fritarem juntas para saborizarem, mas não deixe a cebola muito mole.
Tempere enquanto fritam com orégano, pimenta, páprica picante. Na calabresa você não precisa colocar sal devido ao próprio sal da linguiça.


Modo de Fazer – A Farofa

A farofa vai ser preparada na mesma panela,das carnes, por isso retire as carnes/calabresa da frigideira e sobre aquele óleo que ficou na panela acrescente a farinha de mandioca crua, mexa bem para que ela “limpe” a panela. Verifique se precisa de sal e corrija o sal.


A Montagem do Assentadinho

Coloque no fundo da travessa a farofa e sobre ela assente a proteína. Pronto você tem sua opção de aperitivo simples, com muito sabor e aroma preparando você para acompanhar aquela sua bebida preferida e bom apetite!


Uma Dica Adicional – Assentadinho de Peito de Frango

Caso você queira fazer com peito de frango aconselho você fazer do seguinte modo:
Primeiro frite bem a cebola, deixando-a meio queimadinha para dar cor e sabor ao frango, pode acrescentar os alhos inteiros também. Depois de bem douradinhos o alho e a cebola, acrescente na panela os pedaços de frango cortados em cubos e sem tempero. Misture o frango à cebola e alho e mexa bem, deixe um pouco o frango frigir e depois tempere com um pouco de açafrão, páprica picante, pimenta e sal. 

Deixe-os fritar um pouco e acrescente um pouco de água (1/4 de um copo de água) e deixe a água secar um pouco. Vá mexendo e virando a carne, depois quando começou a secar e ficar grossinho o caldo acrescente mais um pouco de água (1/4 de um copo de água ou menos, você avalia), deixe secar mais um pouco, experimente o frango, vá umedecendo  e deixando absorver a água aos poucos, se precisar de mais um processo de acrescentar um pouca de água repita o processo.  Verifique a maciez, corrija o sal e finalize o frango. Ele deve ficar meio seco, mas com os pedaços bem suculentos, aí é só levar para a travessa e colocar sobre a farofa.  

Quer saber de uma coisa? Juntar a carne de frango com a calabresa dá um Assentadinho Misto de Frango e Calabresa divino!! Saúde e Bom Apetite!!!


Receitas de Petiscos Arrumadinho e Assentadinho




Receitas de Petiscos Arrumadinho e Assentadinho



...

E a Receita do Arrumadinho? Você pensou que eu não ia passar,né?


Bem conversando eu já dei muitas dicas, mas vou Resumir aqui:  

Receita do Arrumadinho

Ingredientes

700g de Carne (pode ser Carne Seca, Carne de Sol, Filé, Peito de Frango, Calabresa);
200g de Feijão Fradinho;
250g de Farinha de Mandioca Crua;
2 tomates médios;
1 cebola média;
Cheiro Verde (pode ser Coentro ou Salsa e, Cebolinha) a gosto;
Orégano, Pimenta, Sal a gosto;
2 colher de sopa de Manteiga de Garrafa (1 colher sopa para usar no Feijão Fradinho e 1 colher de sopa para a Farofa)


Mode de fazer – As Carnes  (já foram explicadas acima)

Prepare a carne e reserve.  Caso você resolva fazer um Arrumadinho Misto você prepara as carnes separadas e depois pode misturá-las para montar a camada da proteína.


Modo de Fazer – O Feijão Fradinho

Cozinhar o Feijão Fradinho por cerca de 10 minutos na panela de pressão, ele deve estar cozido e crocante, não deixe ele muito mole. Se ainda não estiver cozido dê o ponto sem a pressão e vá experimentando os grãos para não passar o ponto. 
Depois de cozido você vai dar uma ligeira frigida no fogo. A intenção é fazer uma ligeira temperada, mas deve manter a característica de uma salada quente, sequinho e crocante. 

Aqueça a manteiga de garrafa (ou se não tiver o azeite), refogue um pouco de cebola picadinha e deixe-a crocante, acrescente o feijão fradinho e tempero com sal e pimenta (reserve).


Modo de Fazer – A Salada de Tomate e Cebola - o Vinagrete

Corte em pequenos cubos a tomate e a cebola. Pique o coentro ou a salsa e a cebolinha bem fininhos. Misture tudo e tempere a gosto com azeite, vinagre, sal, pimenta e orégano.


Modo de Fazer – A Farofa

Aqueça a manteiga de garrafa e coloque a farinha de mandioca crua, mexa bem para absorver e uniformizar a farinha,ajuste o sal.


A Montagem do Arrumadinho

Na travessa faça uma base de farofa e sobre ela coloque a proteína que você preparou, nivele. Caso você for fazer o Misto, coloque todas as carnes que escolheu.
Sobre as carnes coloque o feijão fradinho, nivele. Coloque por último a camada de salada.


...


Esses aperitivos surgiram de uma inspiração, de um prato conhecido, de um sabor experimentado. Na cozinha vamos criando a partir daí: do conhecido, do familiar, de uma experiência vivida, tentando combinar sabores, experimentando, aventurando, ora na zona de conforto, ora para fora dela. Mas o que é mais importante no ato de cozinhar é estabelecer a conexão sua com o alimento, conversar com ele, interagir, se entregar, se divertir e o mais importante ser feliz.

Queridx Amigx espero que tenha gostado da nossa conversa, até a próxima.


...
  Quero Dedicar com Carinho esse Artigo às Minhas Companheiras de muitas Sextas-Feiras Soteropolitanas (Valdelice, Aldalice, Mere, Lurdes, Lívia, Serginho) Delícia de gente boa  :)

quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

Aproveitando as Sobras um Baião de Dois Improvisado

Hoje eu olhei para a minha geladeira e me perguntei o que vou fazer de almoço, com algumas coisas na geladeira resolvi fazer uma brincadeira. Vou revisitar um baião de dois improvisando com o que tenho. Vamos lá o que eu preciso para esta receita, fiz o check-list:
- Carne seca – não tenho, mas tenho uns bifes de alcatra temperados, vou usar!
- Linguiça calabresa  - tenho!
- Arroz – tenho um arroz pronto na geladeira pedindo para ser reinventado!
- Feijão fradinho – tenho na dispensa!
-Queijo de coalho – não tenho, mas tenho um pedação de parmesão que vai bem também, oras!
-Manteiga de garrafa – ô pobre de mim tem não! Mas nunca falta azeite nesta casa!
-tomate, pimentão, cebola, alho – tenho!
-coentro – não tenho, mas tinha uma cebolinha verde, é você mesma minha cara!


Então porque não? Uma preparação rápida. Coloco todos os ingredientes na minha frigideirona de ferro e voilá! Sai um baião de dois improvisado aí gente!!!

Como minha proposta era tudo muito rápido coloquei o feijão fradinho de molho por algumas horas. Depois escorri e já refoguei o feijão, sem o uso do processo de cozimento na panela de pressão.

Já fui refogando o feijão com alho, cebola e coloquei água para cozinhá-lo e controlar o cozimento. Claro que coloquei também minhas folhas de louro, porque eu não deixo uma água fervendo impunemente!!!

Muito bem feijão em andamento, comecei o mise-em-place: cortei a cebola, o pimentão, o tomate sem sementes todos em cubinhos e reservei.

A calabresa usei metade cortei em pequenos pedaços e fui para o fogão aquecer minha panela de ferro.

Coloquei a calabresa com o pimentão picadinho com um pouco de azeite para dar uma fritada nos dois como um tempero, acrescentei um pouco de sal mais para o pimentão, orégano – que super combina com calabresa e a pimenta moída na hora.

Reservei este meu “temperinho” e aproveitei a mesma panela para fritar minha carne que cortei em fatias. Aqui acho que vale o que se tem. A carne pode ser alcatra, contrafilé, patinho, coxão mole, enfim, a que vc tem é só picar e temperar. Eu gosto muito de usar páprica picante, açafrão, colorau, pimenta, orégano e azeite para temperar a carne. O alho eu prefiro amassar direto na panela enquanto frita a carne, assim como acrescentar o sal. Fritei bem e deixei cozinhando naquele azeite. Acrescentei as cebolas cortadas e mais uma refogadinha.

Como eu falei queria um almoço rápido, gostoso, surpreendente, aproveitando minhas sobras e de fácil preparação. Por isso otimizo meu tempo começando pelo feijão que foi o elemento novo que tinha que cozinhar ainda. Mas fiz sem precisar de panela de pressão para depois ter que refogar. Como já contei refoguei e cozinhei tudo junto, fui experimentando o grão, al  dente e cozido por dentro?!Pronto! Vamos juntá-lo aos elementos da panela de ferro!

Acrescentei à carne com cebola que estava fritando na panela de ferro, deixei dar mais uma fritadinha com o feijão, temperei com mais um pouco de pimenta, orégano. Observem que o feijão entra praticamente só os caroços, por isso recomendo que coloquem com uma escumadeira, pode deixar cair um caldinho, mas não é para empapar com o caldo do feijão, combinado! Aí acrescentei a calabresa com pimentão e mexi mais um pouco.

Retirei meu arroz branco comum, do dia anterior da geladeira e fui agregando na panela. Depois de mexido suavemente e misturando todos os elementos do prato, acrescentei os tomates e mais uma mexida, por ultimo a cebolinha verde e umas lascas de parmesão, reguei com azeite.

Gente que delícia achei que estava cometendo uma heresia com um prato tão regional, mas o toque do feijão fradinho, dá bem o tom do prato. Meu marido que é baiano aprovou e olha que foi um juiz e tanto!!!

Eu acho que o segredo deste prato são as proporções vc não deve usar tudo o que preparou de antemão, pois isso pode gerar uma desproporção. Vá conversando com os ingredientes na hora de misturar. Eu por exemplo de cara percebi que seria um exagero um gomo inteiro de linguiça e usei a metade, cozinhei 200g de feijão fradinho, mas não incorporei tudo no prato. Ainda sobrou o arroz cozido, mas se eu entrasse numa de querer usar todo o meu arroz ia perder o ponto do baião. A cozinha é um diálogo com a comida, ou melhor, para fazer um charme com o nome do prato é uma dança com os elementos do prato.

Bem amigxs como minha proposta era um almoço aproveitando as sobras eu não tinha a intenção de fazer muito. Eu achei que ficou tudo muito gostoso e equilibrado. Vou te passar minhas proporções, mas como disse atrás melhor que ela é você observar as quantidades que estão sendo misturadas na panela, ok.




Para esta receita eu usei

- 150g de Feijão Fradinho cozido (eu coloquei para cozinhar umas 200g de feijão cru, mas, depois de cozido devo ter deixado umas 50g de feijão cozido na panela que não entrou no prato,ok! Vamos nos lembrar das proporções, da suculência da mistura, combinado!)
- meia linguiça de calabresa
- 250 gramas de carne (alcatra, coxão mole, contrafilé, patinho, entre outras)
- 3 a 4 escumadeiras de arroz cozido (cuidado para não exagerar heim deixe os elementos do prato em equilíbrio, ou seja, deixa a mistura suculenta)

- 1 cebola média, 1 tomate sem sementes, meio pimentão médio

Espero que tenham gostado e se quiserem me contar das suas aventuras com as sobras na cozinha é só deixar no comentário.

Abraços :)

Sheila

terça-feira, 13 de janeiro de 2015

Pães Especiais e Bolos da Ateliê na Cozinha


Ateliê Na Cozinha


Pães com Fermentação Orgânica, Pães Elaborados Com Produtos de  Alta Qualidade, Produtos Caseiros sem Aditivos Químicos.


Pães Especiais Para uma Alimentação Saudável. 

  1. Pão Integral
  2. Pão Multi Grãos 
  3. Pão Sem Gluten

Pães Recheados. Sabores:

Ateliê Na Cozinha

Calabresa, Azeitonas e Queijo

Linguiça Toscana, Azeitonas e Queijo

Presunto, Azeitonas e Queijo

Lombo Defumado, Azeitonas e Queijo

Frango, Azeitonas e Queijo

Carne Moída, Azeitonas com Ovos.


Bolos da Vovó. Sabores:


Bolo de Nozes

Bolo Churros

Bolo de Cenoura (Simples, com Gostas de Chocolate, com Uvas Passas)

Bolo de Chocolate

Bolo de Laranja

Bolo de Coco

Bolo de Maça

Cuca de Maça


Você Gostou de Tudo é Só Fazer Sua Encomenda:

Acesse Faça Seu Pedido Aqui:

Faça a Sua Encomenda Pela Nossa Pagina no Facebook:


Pão Integral, Pão Caseiro em São Carlos da Ateliê na Cozinha


Todos os dias fornadas fresquíssimas de Pães Integrais Caseiros.

 Pão Integral caseiro com Fermentação Natural, sem aditivos químicos, Produto Natural feito com produtos de qualidade.

Atenção:

Fazemos Pão Sem Gluten Ele é.
  • Sem Ovo
  • Sem Leite

Faça sua Encomenda ou Verifique Conosco a Disponibilidade para Pronta Entrega.